Por: Weslen Máximo

 

Os passageiros do ônibus que bateu na traseira de um caminhão na noite de terça-feira (16) estão sendo liberados dos hospitais. Apesar do estrago que o impacto causou na frente do coletivo, nenhuma morte foi registrada. Porém, algumas pessoas ainda seguem em observação.

 

De acordo com informações divulgadas nesta quarta-feira (17), dez pessoas foram levadas para o Pronto-Socorro de Aguaí. Oito já foram liberadas e uma segue em observação.

 

Um jovem de 19 anos passou por procedimento cirúrgico nesta manhã e dois homens aguardam por cirurgia na Santa Casa de São João da Boa Vista. Segundo o hospital, as vítimas não correm risco de morte.

 

Das cinco pessoas levadas para a Santa Casa de Casa Branca, quatro já foram liberadas e uma idosa permanece internada em observação.

 

O acidente

Um ônibus fretado chocou-se na traseira de um caminhão e deixou 19 feridos na noite desta terça-feira (16) na Rodovia Professor Boanerges Nogueira de Lima (SP-340), entre Aguaí e Casa Branca (SP). A polícia investiga as causas do acidente.

 

Segundo a Polícia Militar Rodoviária, o acidente aconteceu por volta das 18h30. O ônibus, que é da empresa Yara Turismo, de Passos (MG), transportava pessoas que haviam realizado compras em São Paulo e seguia no sentido Aguaí a Casa Branca, quando na altura do Km 217, o coletivo chocou-se com a traseira de um caminhão carregado com óleo. Houve vazamento na pista.

 

Equipes de resgate da concessionária que administra a rodovia, bombeiros e SAMU, estiveram no local socorrendo as vítimas para hospitais de Casa Branca, São João da Boa Vista, Vargem Grande do Sul e Aguaí.

 

As causas do acidente ainda são desconhecidas e serão investigadas.

 

Veja fotos do acidente. (Imagens das Redes Sociais):