Por: Weslen Máximo 

 

Carlos Alexandre Gomes, de 37 anos, suspeito de matar a ex-namorada, em Casa Branca (SP), se entregou nesta quinta-feira (27) à polícia. O suspeito estava foragido há quatro dias.

 

De acordo com a Delegacia de Investigações Gerais (DIG), o homem se apresentou com advogado e será ouvido nos próximos dias.

 

Ele tem um mandado de prisão temporária e ficará detido por 30 dias, aguardando o término das investigações.

 

No início da semana, em uma fazenda localizada na vicinal que liga Casa Branca a Tambaú, a polícia encontrou vários objetos do suspeito, entre eles, um revólver calibre .38 e uma motocicleta, possivelmente usados no crime.

 

Após quatro dias foragido, o indivíduo resolveu se apresentar às autoridades.

 

O crime

Carlos Alexandre Gomes, de 37 anos, é suspeito de matar Lillian Kelly da Silva, de 38 anos, com três tiros que acertaram as costas e a cabeça.

 

O crime aconteceu na tarde do último domingo (23), ao lado da Santa Casa da cidade, quando a vítima retornava para o trabalho no Pronto Socorro. Os dois teriam discutido e Lillian virado de costas para Carlos, momento em o autor efetuou os disparos. Ela morreu na hora.

 

A vítima era ex-namorada do suspeito, que segundo a polícia, não aceitava o término do relacionamento. Ainda de acordo com os policiais, Lillian já havia feito um boletim de ocorrências contra Carlos, pois ele teria a ameaçado.