Atleta de Mococa vai para as Olimpíadas do Japão

05/19/2021

03:17:41 PM

Esporte

Por: Weslen Máximo 


Pedro Spajari coleciona títulos e busca o ouro olímpico (Foto: Reprodução;Instagram)

Pedro Spajari está classificado para a Olimpíada do Japão. O nadador de 24 anos nasceu em Amparo (SP), mas cresceu em Mococa (SP) e se considera um cidadão mocoquense. O atleta do Esporte Clube Pinheiros classificou no mês passado na seletiva ocorrida no Rio de Janeiro.

Spajari atingiu o índice nos 100 metros nado livre masculino (categoria na qual é especialista) e no revezamento 4×100, classificando para Tóquio, tornando-se um dos representantes do Time Brasil nos Jogos Olímpicos, motivo de felicidade e orgulho para a nossa região.

“Minha ficha ainda não caiu. Não quero que caia porque não quero ficar tão feliz pelo fato de ainda não ter conquistado nada. Se for pra conquistar alguma coisa, é agora que tenho que treinar. Vou treinar mais ainda, com certeza”, disse em entrevista à TV Direta.

Caro Pedro, tenho que discordar da sua fala, pois participar da Olimpíada é uma conquista gigante e para poucos. Claro que vamos torcer para que traga medalhas para casa, mas só de você sair da nossa região e ser um dos representantes do nosso país já faz de você um campeão.

O atleta, que começou nas piscinas da Associação Esportiva Mocoquense (AEM), coleciona muitas medalhas ao longo da carreira. São 48 participações em competições internacionais com 13 medalhas de ouro, inclusive em Jogos Panamericanos; sete de prata e quatro de bronze. Já em torneios nacionais, Spajari tem 200 participações com 49 medalhas de ouro, 23 de prata e 20 de bronze.

Antes de Tóquio, disputa mais três competições na Espanha, Itália e França, esperando conquistar a classificação também nos 50m livres, modalidade em que ele não alcançou o índice por um centésimo.

Pedro Spajari já é ídolo para a nossa região. Parabéns e represente o nosso país da melhor maneira possível. Estamos na torcida!

E deixo meu abraço ao sanjoanense Victor Alcará, que também é um excelente atleta, participou da seletiva de natação, mas ‘bateu na trave’. Porém, nos enche de orgulho.

Compartilhe